(95) 99159-8088

NO AR

Radio Roraima

radiororaima.com.br

Política

PL aprovado permite redistribuição de recursos de alienação de terras públicas em Roraima

Governo recebe aval para usar recursos de terras públicas em investimentos cruciais. Descubra como essa medida beneficiará o desenvolvimento do Estado.

Publicada em 05/12/23 às 16:37h - 21 visualizações

por Supcom/ALERR


Compartilhe
 

Link da Notícia:

Governo de Roraima poderá redirecionar recursos de terras públicas para áreas prioritárias.  (Foto: Supcom/ALERR)
A Assembleia Legislativa de Roraima (ALE-RR), nesta terça-feira (5), aprovou por 17 votos o Projeto de Lei (PL) nº 302/2023, autorizando o Poder Executivo a realocar recursos provenientes de receitas de alienações de terras públicas estaduais, somando R$ 37 milhões. Essa verba será destinada para reforçar dotações presentes na Lei Orçamentária vigente, visando investimentos estratégicos no desenvolvimento do Estado.

Segundo a proposta, esses recursos serão provenientes de alienações de terras públicas da Fonte 1.756, pertencentes ao Instituto de Terras e Colonização do Estado de Roraima (Iteraima).

O governo justifica que o saldo acumulado na conta excede as demandas do instituto, enquanto há carência de recursos para investimentos fundamentais para o progresso estadual, como obras de infraestrutura e restauração de prédios públicos, áreas que carecem de disponibilidade financeira suficiente.

A Mensagem Governamental (MG) nº 59/2023 afirma: “A intenção é compartilhar as receitas para otimizar o aproveitamento de recursos existentes no Estado, impulsionando seu desenvolvimento socioeconômico e evitando a inatividade desses recursos diante das demandas de investimentos”.

Antes da votação, o líder do governo, Coronel Chagas (PRTB), esclareceu que as receitas provenientes da alienação de imóveis, categorizadas como econômicas de capital, não podem ser usadas para despesas correntes, de acordo com o artigo 44 da Lei Complementar nº 101/2000.

“É uma realocação de recursos. Com essa aprovação, o Estado poderá transferir os recursos à Seinf [Secretaria Estadual de Infraestrutura], permitindo investimentos em vicinais para aprimorar a infraestrutura do Estado”, explicou Chagas.

Agora, o PL segue para avaliação do governador Antonio Denarium (PP) quanto à sanção ou veto.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








.

LIGUE E PARTICIPE

(95) 99159-8088

Copyright (c) 2024 - Radio Roraima
Converse conosco pelo Whatsapp!