(95) 99159-8088

NO AR

Radio Roraima

radiororaima.com.br

Cidade

Prefeitura intensifica ações de combate ao Aedes aegypti

Além das ações, município pede ajuda da população para colaborar com os cuidados em seus imóveis para eliminar focos do mosquito

Publicada em 08/02/24 às 11:25h - 11 visualizações

por Ascom PMBV


Compartilhe
 

Link da Notícia:

Este ano já foram confirmado cinco casos de dengue em Boa Vista  (Foto: Ascom PMBV)
Diante do aumento no número de casos de dengue em todo o país, a Prefeitura de Boa Vista reforça as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti. Agentes de combate às endemias têm feito bloqueio vetorial, tratamento químico em depósitos, monitoramento de armadilhas, além de visitas domiciliares e orientação a moradores.

Ainda fazem parte das ações do município no combate ao mosquito a coleta de larvas, a aplicação de larvicida, além de notificação de terrenos, construções e imóveis em situação de abandono. De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Ana Paula Merval, a gestão precisa do apoio da população para combater o Aedes.

“Estamos trabalhando com o monitoramento dos casos de arboviroses, que é a dengue, zika e chikungunya em Boa Vista. E queremos chamar a população para essa responsabilidade de estar com a gente na luta contra o Aedes aegypti, mosquito transmissor dessas doenças”, disse.

Controle da Dengue

Nas cinco primeiras semanas epidemiológicas deste ano, o Diagrama de Controle da Dengue descartou 54 ocorrências suspeitas para a doença. Neste mesmo período, confirmou 5 casos de dengue em Boa Vista. À medida que as suspeitas são eliminadas, o número de casos reduz.

Novos Profissionais

Entre os recentes investimentos da gestão para manter o controle dos casos de arboviroses, a prefeitura concluiu processo seletivo simplificado e contratou 30 agentes de endemias. Os novos profissionais, em fase de capacitação, chegam para reforçar e fortalecer as ações de campo no município.

LIRAa

Dados do último Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), divulgado em dezembro de 2023, apresentou resultado satisfatório, com 1,3% de infestação pelo mosquito transmissor na capital. A classificação é considerada a mais baixa do ano no município. À época, os profissionais visitaram 8.300 imóveis.

Qdenga

Boa Vista está na lista dos municípios que receberão as primeiras doses da Qdenga, vacina contra a dengue divulgada pelo Ministério da Saúde. Ainda conforme as informações prévias, o imunobiológico é voltado para crianças e adolescentes de 10 a 14 anos, faixa etária com maior concentração de hospitalização por dengue.

O Ministério da Saúde alerta que a vacina contra a dengue não previne contra as demais arboviroses, como Zika e Chikungunya. Portanto, todos os cuidados necessários para combater o mosquito Aedes devem continuar. Ou seja, poder público e população devem seguir unidos.


Medidas que a população pode adotar:


·       Verificar diariamente a parte interna e externa das residências e eliminar criadouros;

·       Manejo e destinação correta do lixo doméstico produzido nos imóveis;

·       Manter bem fechado todos os recipientes que sirvam como depósito de água;

·       Trocar diariamente a água dos animais de estimação, lavar e higienizar os recipientes;

·       Esvaziar diariamente os recipientes que possam servir como pingadeiras das centrais de ar-condicionado;

·       Telar os suspiros das fossas sépticas, verificar se não há brechas ou rachaduras nas tampas ou laterais, pois o mosquito se prolifera também dentro das fossas.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:








.

LIGUE E PARTICIPE

(95) 99159-8088

Copyright (c) 2024 - Radio Roraima
Converse conosco pelo Whatsapp!